Clínica Osasco: (11) 3685-9352 /(11) 3681-7565 /(11) 3682-9377 | Clínica São Paulo: (11) 2091-3700 | E-mail: instituto.neurologia@gmail.com

Quais são os exames complementares que podemos pedir para o sofredor de dor nas costas?

Saiba quais são os exames necessários para o diagnóstico.

 

NA INVESTIGAÇÃO DE UM SOFREDOR DE DOR NAS COSTAS QUAIS SÃO OS EXAMES NECESSÁRIOS PARA O DIAGNÓSTICO?

Devemos identificar o que está ocorrendo no local da origem da dor. Fazemos isso através de exames subsidiários  que podem ser exames  laboratoriais, exames de imagem, entre outros que veremos a seguir:

Quais são estes exames?

1.    EXAMES DE IMAGEM DA COLUNA VERTEBRAL

 

·         RADIOGRAFIA SIMPLES DA COLUNA VERTEBRAL

PODE SER LOMBAR, TORÁCICO OU CERVICAL  – é o exame inicial de rotina para qualquer paciente com dor de coluna, pode ser realizado em pé, sempre de preferência para avaliar as curvaturas da coluna vertebral. Normalmente são realizadas incidências anteroposterior, perfil neutro, perfil em flexão e perfil em extensão. Incidências oblíquas podem ser interessantes em algumas situações. Assim poderemos com ela avaliar a coluna como um todo (existe a possibilidade de ser panorâmica). Com ela podemos determinar  a presença de instabilidades e suas causas como nas espondilolisteses e espondilolises. Também é muito útil nos pós operatórios de cirurgias da coluna, pois nos localizam cirurgias prévias e nos evidenciam eventuais complicações.

 

·         MIELOGRAFIA  DA COLUNA VERTEBRAL

PODE SER LOMBAR, TORÁCICO OU CERVICAL  – é uma radiografia com contraste intratecal que hoje pode ainda ser muito útil, quando não temos a disposição tomografia e ressonância magnética, pois nos dão uma visão indireta da presença de neoplasias e estenoses segmentares ou focais na  coluna vertebral.

 

·         TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA DA COLUNA VERTEBRAL

PODE SER LOMBAR, TORÁCICA OU CERVICAL  – permite-nos uma avaliação mais detalhada da anatomia óssea e do disco intervertebral. Excelente para a visualizacção óssea nos permitindo avaliar lesões que não são diagnosticadas numa radiografia simples. Pode ser realizada com contraste venoso, nos permitindo diferenciar entre um fragmento discal e fibrose epidural(capta contraste). Quando injeta-se contraste intratecal  é denominada de mielotomografia nos ajudando no diagnóstico de tumores e aracnoidites. Podemos dizer que quando queremos estudar a anatomia óssea da coluna ela é superior a ressonância magnética, consitutindo no exame de eleição para avaliar a anatomia óssea.


 

·         RESSONÂNCIA MAGNÉTICA

PODE SER LOMBAR, TORÁCICA OU CERVICAL  – é o exame de padrão ouro, associada a tomografia são os exame de imagem de escolha tanto no diagnóstico como no acompanhamento. São exames que visam detectar a estrutura doente e detectar tumores primários, secundários ou mesmo residuais  ou qualquer  complicação cirurgica ou para comprovar a resseção total pós operatória. A RM é ideal para avaliarmos os discos intervertebrais, as raízes nervosas e outros tecido moles. É o exame ideal para diagnosticar discites, fibroses, pseudomielomenningoceles e  tumores  intraraquianos na coluna vertebral.

 

 

2.     EXAMES NEUROFISIOLOGICOS

 

ELETRONEUROMIOGRAFIA e o POTENCIAL EVOCADO SOMATO-SENSITIVO são úteis pois nos auxiliam na detecção de radiculopatias e principalmente nos diagnósticos diferenciais entre polineuropatia e síndrome da cauda equina. São realizados principalmente nos membros superiores e membros inferiores.

 

 

3.    EXAMES LABORATORIAIS E O EXAME DO LÍQUIDO ENCEFALORAQUIANO (LIQUOR)

 

Estes exames são extremamente importantes, principalamente se encontramos os red flags na história do paciente, pois eles colaboram no diagnóstico diferencial das doenças. Temos hemograma, provas de função hepática, provas de atividade inflamatória (VHS, PCR, ALFAFETOPROTEINAS), eletroforese de proteínas e etc. Quanto ao liquor da espinha ele é importantissimo em alguns casos,  quando não encontramos uma causa mecânica e suspeitamos de uma causa inflamatoria, desmielinizante ou neoplasica.

                 

 

Outros Artigos:

1

Problemas na Coluna

Suas dores nas costas estão sob controle? Quando meu medo é maior que minha dor nas costas? Quando minha dor nas costas é maior que meu medo?
2

Por que tenho dor nas costas?

Será que existe uma explicação para a minha dor nas costas?
3

Saúde da Coluna

Afinal, quando devo me preocupar com a dor nas costas?
4

Curvas na coluna?

Curvas fisiológicas da coluna
5

Será que existe uma possível explicação para a dor nas costas?

Entenda o conceito histórico da coluna vertebral!
6

A coluna vertebral e seus envoltórios

Vamos falar um pouco da Anatomia da Coluna Vertebral
7

A Boa Condição Física para a saúde

Confira a dica selecionada pelo doutor especialista em coluna vertebral!
8

Postura para o uso de computadores

Confira as dicas referente a postura da coluna no uso de computadores.
9

Definindo a função da coluna!

Saiba qual a função da coluna vertebral.
10

Conheça as causas e riscos da dor nas costas!

As causas e riscos selecionadas pelo Doutor.
11

O que fazer na presença de um sofredor de dor nas costas?

Confira o conceito dividido em 4 passos!
12

O que fazer na presença de um sofredor de dor nas costas?

Confira o conceito dividido em 4 passos!
13

Os principais sintomas das dores nas costas!

Confira as causas listadas pelo Doutor!
14

Quais são os exames complementares que podemos pedir para o sofredor de dor nas costas?

Saiba quais são os exames necessários para o diagnóstico.
16

Quais as opções do paciente no tratamento de dor nas costas?

Saiba quais são os objetivos e opções no tratamento de dor nas costas!
17

Qual é o tratamento não cirúrgico da dor nas costas?

Confira os tratamentos especificados pelo Doutor.
18

QUAL É A EVOLUÇÃO DO PORTADOR DE DOR AGUDA NAS COSTAS?

QUAL É A EVOLUÇÃO DE UM PORTADOR AGUDO DE DOR NAS COSTAS?
20

Como tratar o portador agudo de dor nas costas?

Saiba como o Doutor aborda o paciente!
21

Quando o tratamento cirúrgico se torna indispensável para o sofredor de dor nas costas?

Saiba quando é necessário realizar o tratamento da coluna vertebral!
22

Quando operar o sofredor de dor nas costas?

Saiba qual é o melhor momento para a cirurgia!
23

Perguntas que temos que responder sobre a cirurgia da coluna vertebral.

Em que situações a cirurgia da coluna pode acontecer? Quando a cirurgia da coluna é uma Emergência? Quando a cirurgia da coluna é uma cirurgia eletiva?
24

Tratamento cirúrgico da coluna versus alvo causador da dor.

O tratamento está dirigido de acordo o alvo causador da dor
25

4º passo no diagnóstico da dor na coluna

Saiba como o Doutor investiga seu problema na coluna!
26

Qual é o melhor tratamento para a dor nas costas?

Veja a conclusão do Doutor sobre a melhor maneira de solucionar seu problema!
27

Os 3 pilares do tratamento de dor nas costas!

Conheça o princípio do tratamento e suas caracteristicas.

Sobre a Clínica

Nossa Clínica:

A principal função é a dedicação com os nossos pacientes. Aprimoramos nosso atendimento para fornecer informações, esclarecer as dúvidas, solucionar problemas, para facilitar um tratamento que gere satisfação, segurança e tranquilidade aos nossos clientes.

Procedimentos

Quais são os materiais de Osteossintese?

Saiba como é a instrumentação da cirurgia da coluna!

O que é MINI-OPEN?

Conheça os diferentes tipos de Artrodeses

Falando sobre CIRÚRGIAS CONVENCIONAIS!

Conheça os procedimentos!
Leia mais...